Pular para o conteúdo principal

ACELERA FOZ DEFINE AÇÕES PRIORITÁRIAS EM 7 EIXOS DE DESENVOLVIMENTO

Programa prevê medidas para atrair investimentos, gerar novos negócios e empregos, melhorar a infraestrutura e fomentar a inovação
Região central de Foz do Iguaçu. Foto: Marcos Labanca - Grampo Comunicação

A Coordenação Estratégica do Programa Acelera Foz definiu as ações prioritárias para o desenvolvimento de Foz do Iguaçu. São 40 iniciativas em sete eixos de infraestrutura, divulgação, retomada econômica do turismo, empreendedorismo, inovação e atração de investimentos, apoio à produção e comercialização, e fomento de políticas públicas. 

Coordenação Estratégica do Programa Acelera Foz definiu ações prioritárias - Foto: Assessoria

A gestão do programa também aprovou as instituições do poder público e da sociedade civil organizada responsáveis por conduzir a execução das ações, as quais deverão articular os segmentos de cada área. O detalhamento das iniciativas previstas pelo Acelera Foz vem sendo apresentado em conferências virtuais com transmissão aberta ao público.

Presidente do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (Codefoz), Mario Camargo explica que a definição das prioridades do programa permite que a comunidade possa visualizar as ações e acompanhar a evolução do Acelera Foz. "Também serão previstos prazos para a entrega das metas, com indicadores quantitativos e qualitativos", frisa.

De acordo com Mario, pelo planejamento proposto, as ações prioritárias mantêm interdependência e unidade, pois são agrupadas aos eixos estratégicos do programa. "Nosso desafio é promover a retomada do desenvolvimento pós-pandemia a partir de bases novas, gerando crescimento sustentado e qualidade de vida para a população", enfatiza. 

Obras, empregos e mobilidade
As obras prioritárias em infraestrutura somam R$ 900 milhões. São projetos já em execução – entre elas a segunda ponte e a ampliação da pista do aeroporto – e os novos empreendimentos da revitalização e duplicação da Rodovia das Cataratas, trincheira da Rua Teodoro Risden com a BR-277, revitalização do Espaço das Américas e novo Porto Seco Trimodal.

“Em consonância com as diretrizes do governo federal, que tem tido atenção bastante especial para a região, promovemos uma reestruturação administrativa que nos possibilitou redirecionar mais de R$ 900 milhões em diversas ações, com transparência, responsabilidade e em parceria com diversas entidades, por meio do Programa Acelera Foz”, afirma o diretor-geral brasileiro da Itaipu Binacional, general Joaquim Silva e Luna.

Inovação e captação de investimentos
Nas propostas prioritárias, o Acelera Foz propõe incentivar a inovação, a inteligência artificial e a atração de negócios. Pelo programa, serão criados um escritório para recepção e captação de investimentos e o Laboratório de Inteligência Artificial em Agroenergia. Fazem parte das ações, ainda, o projeto Vila A Inteligente e o Condomínio de Startups.

"Atraindo grandes empresas e incentivando o empreendedorismo e novas startups, vamos complementar o processo de dinamização da economia. Vamos criar, também, um ambiente propício para a testagem e validação de inovações voltadas para o desenvolvimento da cidade de forma inteligente e sustentável”, expõe o diretor-superintendente do Parque Tecnológico Itaipu (PTI), general Eduardo Garrido.

Retomada do turismo
Para a retomada do turismo, o Acelera Foz prevê investimento em infraestrutura e obras de revitalização dos corredores turísticos, editais de inovação, incentivo ao turismo regional, início das obras de revitalização do Espaço das Américas e inauguração do Mercado Público Municipal até dezembro deste ano. Somadas a essas ações, serão realizadas iniciativas pontuais. 

A reabertura de atrativos no município está programada para os próximos dias, coincidindo com o aniversário de 106 anos da cidade. “Foz do Iguaçu largou na frente com os protocolos de segurança sanitária para a retomada do turismo. E será, agora, o primeiro destino a fazer testagem de covid-19 em todos os turistas sintomáticos”, destaca o secretário de Turismo, Indústria, Comércio e Projetos Estratégicos, Gilmar Piolla. 

Salto para o futuro
Parte do plano de retomada econômica da cidade, o Acelera Foz tem a coordenação estratégica do Codefoz, Itaipu Binacional, Parque Tecnológico Itaipu (PTI), Prefeitura de Foz do Iguaçu, Sebrae, Programa Oeste em Desenvolvimento (POD), Associação Comercial e Empresarial de Foz do Iguaçu (ACIFI) e Conselho Municipal de Turismo (Comtur). 


São estes os eixos e as ações prioritárias do Acelera Foz:

EIXO 1: OBRAS ESTRUTURANTES
- Obras em Execução
  • Projeto Beira-Foz
  • Duplicação do acesso e área de manobra do aeroporto 
  • Ampliação da pista do aeroporto 
  • Ampliação e modernização do Hospital Costa Cavalcanti
  • Perimetral Leste (acesso à BR-277)
  • Segunda ponte internacional Brasil-Paraguai
Acelera Foz prevê duplicação e revitalização da Rodovia das  Cataratas.
Foto: Sara Cheida - Itaipu Binacional
- Obras a serem executadas 
  • Duplicação da Rodovia das Cataratas (BR-469)
  • Revitalização da Avenida das Cataratas (no trecho urbano)
  • Trincheira da Rua Teodoro Risden/BR-277 (Portal da Foz)
  • Revitalização do Espaço das Américas
  • Novo Porto Seco Trimodal

EIXO 2: PLANO ESTRATÉGICO DE MARKETING PARA FOZ DO IGUAÇU
  • Plano integrado de marketing para o desenvolvimento 
  • Fortalecimento das instâncias de governança
  • Campanhas nacionais de marketing

EIXO 3: RETOMADA ECONÔMICA DO TURISMO
  • Projeto de Revitalização do entorno do 34º Batalhão
  • Infraestrutura e obras de revitalização dos corredores turísticos
  • Protocolos de segurança sanitária para atividades turísticas
  • Edital de inovação corporativa para o turismo
  • Concessão do Centro de Convenções
  • Mercado Público Municipal (inauguração até dezembro de 2020)
  • Programa de incentivo ao turismo regional

EIXO 4: EDUCAÇÃO E QUALIFICAÇÃO EMPREENDEDORA
  • Fomento a capacitações virtuais
  • Estímulo empresarial para a aplicação adequada de condutas sanitárias
  • Qualificação empresarial para atividades impactadas

EIXO 5: INCENTIVO À INOVAÇÃO E ATRAÇÃO DE INVESTIMENTOS
  • Criação de escritório para recepção e atração de investimentos
  • Investimentos para aceleração de startups, MPEs, soluções e produtos
  • Facilitação do acesso ao crédito
  • Estímulo à criação do polo de serviços de saúde
  • Implantação do Laboratório de Inteligência Artificial em Agroenergia
  • Projeto Vila A Inteligente
  • Centro Municipal de Inovação – Condomínio de Startups
Vila A, que será bairro inteligente,  recebe investimentos - Foto: Rubens Fraulini - Itaipu Binacional.

EIXO 6: APOIO À PRODUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO
  • Portal on-line de cadastro e divulgação de profissionais autônomos
  • Apoio para estruturação e comercialização de feiras livres 
  • Expansão do programa de crédito a juro zero
  • Ampliação do aporte de recursos da garantidora de crédito

EIXO 7: POLÍTICAS PÚBLICAS
  • Simplificação e desburocratização dos procedimentos para o funcionamento empresarial e construção
  • Apoio para projetos de inclusão social
  • Plano de contingenciamento de contenção de gastos públicos
  • Políticas de incentivo para o desenvolvimento nas regiões da Avenida Beira-Rio, Jardim Jupira e Vila Portes
  • Facilitação e flexibilização para regularização de tributos

(Com Assessoria Programa Acelera Foz) 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

COLUNA SOCIAL Foz em Destaque - Edição CXXIX

    DESTAQUE DO DIA

ALCEU VEZOZZO, fundador da Rede Bourbon, homenageado pela Associação Comercial do Paraná

O fundador da Rede Bourbon, Alceu Ântimo Vezozzo, recebeu a homenagem Cidadania ACP, da Associação Comercial do Paraná. O prêmio é concedido para cidadãos de reconhecida importância na sociedade paranaense e nacional. (Evento acontecido em Nov/2019) Premio - Homenagem ACP - Foto Jader Rocha Em seu discurso o presidente da ACP, Gláucio Geara, enalteceu as conquistas de Vezozzo na hotelaria e na ação social que desenvolve na cidade de Cambará, com o Instituto Bourbon.  Ao receber a homenagem o fundador da Rede Bourbon agradeceu a família e a Deus por todas as conquistas e enfatizou a importância de fazer o bem em todas as áreas da sociedade. “Fazer o bem através da hotelaria, através do Instituto Bourbon, através da escola, fazer o bem seja ele onde for”, finalizou o fundador. A família Vezozzo prestigiou seu patriarca nesta noite tão importante. Assinatura Homenagem  Abraço Alceu e Laila Vezozzo - Foto Jader Rocha  Alceu Vezozzo, Ana Amélia Filizola e Glau

COLUNA SOCIAL - Edição CCCXII

D E S T A Q U E