Pular para o conteúdo principal

JORNALISTA DONISETI MELO parte para uma nova jornada

O jornalista Doniseti Melo faleceu ontem em Foz do Iguaçu. 
Ainda em vida, Doniseti foi pintado neste quadro, numa homenagem do artista plástico Adriano Monanc...

O momento é de grande pesar em toda a comunidade iguaçuense, em especial junto aos seus familiares e aos colegas da imprensa, donde ele deixa um legado de trabalho enorme, desenvolvido sempre com muita ética e respeito, ao leitor e aos seus colegas de imprensa.
Em 1982, em Ubiratã/PR, nos primórdios de sua consagrada carreira...

Doniseti Jacinto de Melo nasceu em Bela Vista do Paraíso, no norte do Paraná. Antes de ingressar definitivamente ao mundo da comunicação, formou-se pela Faculdade Estadual de Ciências e Letras de Campo Mourão. Em 1978 tornou-se o primeiro diretor da Escola Consolidada João Bertoli, em Ubiratã (PR) e mais tarde, em 1981, na cidade de Tangará da Serra (MT), foi professor das disciplinas de história, geografia, religião e matemática para turmas de 5ª série até o último ano do ensino médio.
Retornou a Ubiratã (PR) em 1982 e novamente assumiu a direção da Escola João Bertoli. Nesse mesmo ano, Doniseti iniciou sua carreira na rádio. Foi aprovado em um concurso para trabalhar na Rádio Difusora (AM 1450).
De repórter assumiu a função de narrador, na qual atuou até 1987, quando aceitou o convite para trabalhar na Rádio Colmeia em Campo Mourão.

Foi ainda narrador esportivo nas seguintes emissoras: Humaitá (Campo Mourão) Cultura de Paranavaí, Tabajara de Londrina, Central de Cianorte, Ingamar de Maringá, Clube de Ubiratã e Capital de Cascavel, além de ser convidado a atuar na Rádio Independência de Belo Horizonte (MG).
Comunicador esportivo, atuou por cerca 37 anos na área e foi por mais de 14 anos responsável pelo caderno esportivo do Jornal GDia, na época Gazeta.
Doniseti Melo com a equipe da Rádio 97 FM, onde escreveu um capítulo importante de sua história no radialismo esportivo...

A relação do comunicador com Foz do Iguaçu começou em 1992 quando passou pela Rádio Cultura. Na tradicional emissora iguaçuense trabalhou até 1993. Retornou em 1998 e ficou até 2002. Ainda na fronteira, permanece desde 2008 na rádio 97,7 FM. Há 14 anos Doniseti Melo é o responsável pela editoria esportiva do jornal Gazeta Diário – antigo Gazeta do Iguaçu. No jornalismo impresso, também trabalhou nos jornais Correio de Notícias, O Estado do Paraná, Gazeta do Paraná, O Vale do Piquiri, Gazeta do Piquiri, Nosso Tempo, Jornal de Foz.


Cidadão Honorário de Foz do Iguaçu
Um dos momentos mais emocionantes na vida de Doniseti Melo, foi quando recebeu Título de Cidadão Honorário de Foz. A proposição do Vereador Anderson Andrade (PSC), em atendimento ao Decreto Legislativo n°04/2018.
 Após receber o pergaminho das mãos do Presidente Rogério Quadros e Anderson Andrade, Doniseti declarou “tenho muita paixão pelo o que faço e sempre fiz. Nesses quase 40 anos de profissão eu conheci vários amigos. O que a gente leva da vida é a vida que a gente leva. Agradeço a todos”.
Doni Arif e Toledo...




Postagens mais visitadas deste blog

Amigas de Das Graças promovem rifa de jóias em apoio ao trabalho e memória da colunista social e fotógrafa

Tudo começou ainda durante a pandemia. Com os trabalhos do filho Marco Antonio pautados em eventos e turismo, as dificuldades claro bateram na porta, e além da venda de um dos automóveis que a família tinha, algo mais precisava ser feito para quitar os compromissos e dívidas inerentes de um ano praticamente sem trabalho, em casa, Das Graças e seu filho Marco. Este grupo de amigas conta que mesmo em vida, Das Graças pensava em usar as joias para ajudar nas despesas domésticas e de saúde. No entanto, a saúde da colunista se agravou e sobreveio o internamento e a cirurgia.  Pensando em se desfazer de alguma forma de peças de joias que tinha enquanto presente nas festas de nossa sociedade, Das Graças acionou sua estimada amiga, Sílvia Rodrigues, para que a ajudasse na empreitada, o que foi de pronto atendida.  As joias -  As três peças que serão rifadas, eram relíquias da família  que ela ostentava nas grandes festas da sociedade que participava, ao longo da gloriosa carreira de colunismo

COLUNA SOCIAL Foz em Destaque - Edição CLXXX

DESTAQUE DO DIA

Postagens COLUNA SOCIAL - Edição CXCI

DESTAQUE DO DIA