Pular para o conteúdo principal

CENTRAL DE ATENDIMENTO "VOLUNTÁRIOS PRÓ-SAÚDE" DE ATENÇÃO AO COMBATE AOS SINTOMAS DA COVID -19 SEGUE ATENDENDO EM FOZ

Projeto tem o objetivo de prestar atendimento a pessoas sintomáticas em estágios iniciais, para reduzir o impacto da pandemia

A Central de Atendimento Covid-19 de Foz do Iguaçu foi organizada por voluntários da sociedade civil, a CACFI é formada por médicos, empresários, empreendedores e profissionais liberais para auxiliar no enfrentamento à doença.

CACFI visa reduzir o impacto da pandemia na população e nos serviços de saúde 

O projeto tem como objetivo prestar atendimento voluntário aos pacientes em estágios iniciais da covid-19 e com sintomas leves, com queixas há no máximo três dias, com a finalidade de reduzir o impacto da pandemia na população e nos serviços de saúde.

Foi possível fazer um balanço consistente dos trabalhos da Central de Atendimento Covid-19 quando o movimento completou 3 meses, ainda em junho deste ano. Conforme o último boletim semanal do CACFI, foram 2.026 chamadas recebidas, 1.248 consultas realizadas e 929 pacientes que receberam medicamentos.

O informe periódico trouxe na ocasião, ainda outros indicadores: 187 pacientes sem prescrições (somente orientações) e 64 retornos de consultas (médicos). Em relação aos internamentos com subtotais, houve 21 desde 31 de março, sendo que desses foram registradas 15 altas, duas pessoas atendidas que se encontravam hospitalizadas até 19 de junho e quatro óbitos.

Todo o projeto da CACFI tem por base a defesa de três valores essenciais ao contexto da saúde humana: a autonomia médica em consonância com o parecer do Conselho Federal de Medicina 04/2020, o direito de escolha para todo cidadão e/ou paciente, e o uso de medicamentos off-label, ou reposicionados, com efeitos antivirais.

A coordenadora-geral do projeto, Mariangela Lückmann, explica que “a CACFI demonstra na prática a quarta hélice, a sociedade civil, mobilizada de modo sadio, voluntário e solidário, funcionando de modo harmônico em benefício de toda a sociedade da região de Foz e entorno. A CACFI é, em essência, um projeto em defesa da cidadania por meio do Movimento Voluntários Pró-Saúde de Foz”.

Tira dúvidas
Coordenador-geral de Saúde da CACFI, o médico João Ricardo Yamasita destaca o aspecto inteiramente voluntário do projeto. “Todos os integrantes da Central de Atendimento Covid-19 são 100% voluntários. Todos são doadores de seu tempo, de seus talentos e/ou de seus recursos, integrando esforços pacificamente, por liberdade pessoal, com intuito de fazer o seu melhor para todos”, afirma.

Mariangela Lückmann esclarece que “todos os atendimentos são realizados por telessaúde, desde o agendamento, consulta, entrega de prescrições médicas por delivery na residência do paciente, gratuitamente, até o acompanhamento da evolução do quadro de saúde de cada indivíduo”. Veja mais abaixo as orientações gerais e canais de contato.

Informações importantes
Quando funciona?
A Central de Atendimento Covid-19 de Foz do Iguaçu funciona nos seguintes dias e horários: de segunda a sexta-feira, das 9h às 12h e das 14h às 20h. Aos sábados, das 9h às 12h e das 14h às 17h. Observação: a CACFI não atende em regime de plantão.

Como funciona o agendamento da consulta médica?
O agendamento da consulta via tele-saúde segue protocolos da equipe voluntária e é realizado com a maior brevidade possível, considerando a disponibilidade de agenda.

A CACFI faz atendimento presencial?
Não. Todas as fases do processo de atendimento são realizadas por telemedicina, desde o agendamento até a consulta médica e a pós-consulta.

Na CACFI, o atendimento à covid-19 é feito com "kit" de medicamentos?
Não existe um "kit covid-19". Na CACFI, os pacientes são atendidos via telemedicina, por médicos voluntários que avaliam individualmente cada caso, para decidir a melhor conduta terapêutica.

Se eu precisar de medicamentos, a CACFI fornecerá gratuitamente?
Sim. Após a consulta médica e a prescrição dos médicos voluntários da CACFI, os medicamentos prescritos serão fornecidos gratuitamente aos pacientes que declararem não possuírem condições de arcar com o seu tratamento.

Onde posso retirar os medicamentos prescritos pelos médicos voluntários?
A CACFI não funciona como farmácia. O paciente que não possuir condições financeiras para arcar com o tratamento receberá os medicamentos prescritos pela equipe médica do projeto em sua residência, gratuitamente, na cidade de Foz do Iguaçu. O paciente que puder custear seu tratamento será atendido gratuitamente, recebendo a prescrição médica imediatamente por e-mail para realizar a compra dos medicamentos indicados.

Central de Atendimento Covid-19 de Foz do Iguaçu
Telefone e WhatsApp: (45) 3198-599

www.voluntariosprosaudefoz.com.br

Instagram: voluntariosprosaudefoz

Facebook: voluntariosprosaudefoz

Postagens mais visitadas deste blog

COLUNA SOCIAL - Edição CCXLIV

DESTAQUE DO DIA

COLUNA SOCIAL - Edição CCL

DESTAQUE DO DIA   Faltam 5 dias...☝💓💬💥💪💟🙋 Um dos maiores centros de compra das Américas promete ter também o maior blackfriday com mais de 100.000 produtos com desconto de até 70%: PREPARE-SE!!!

COLUNA SOCIAL - Edição CCLV

D E S T A Q U E  SoHo AD é a mais nova novidade do GEP para a nossa cidade...