Pular para o conteúdo principal

Potencial de negócios do Paraguai é apresentado a empresários em Foz

As principais autoridades da área econômica do governo do Paraguai estiveram nesta quarta-feira (4) em Foz do Iguaçu para apresentar o cenário para investimentos industriais no país vizinho, durante a última reunião no ano do Conselho de Desenvolvimento de Foz do Iguaçu (Codefoz). A apresentação ocorreu no Centro de Recepção de Visitantes da Itaipu Binacional e contou com a participação das principais instituições dos setores industrial, agropecuário e comercial do Paraná.
     
Empresários como Marcus Vinícius Gimenes, diretor do Sindimetal de Londrina, e Flávio Montenegro Balan, presidente da Associação Comercial e Industrial de Londrina (Acil), se disseram convencidos do bom momento que vive a economia paraguaia e da oportunidade que ela representa para investidores brasileiros. E não apenas pela apresentação no Codefoz.
   
“A gente tinha aquela impressão do Paraguai dessa primeira avenida logo após a Ponte da Amizade. Mas isso é um preconceito superado. O país é muito competitivo, principalmente em relação aos custos trabalhistas, tributos e preços de energia. O governo tem projetos interessantes como a zona franca, maquila e capacitação de mão-de-obra”, afirma Gimenes.
   
Ele esteve recentemente em uma missão empresarial com 12 empresários da região de Londrina e pretende retornar em breve. “Aqui no Paraná, Londrina saiu na frente nessa aproximação com o Paraguai. A gente vê que há um ambiente muito bom para os negócios. É um país que hoje está focado na industrialização”, completou Balan.
   
A apresentação sobre o cenário econômico foi conduzida pelo presidente do Banco Central, Carlos Gustavo Valdovinos, o ministro da Indústria e Comércio, Gustavo Leite, e o ministro da Fazenda, Germán Rojas. Segundo eles, são várias as razões que justificam o otimismo com a economia do país vizinho.
    
Desde 2003, o Paraguai vem apresentando um crescimento constante, com uma média de 4,8% ao ano. Diferentemente do Brasil, a expectativa de crescimento tem sido revisada para mais. Para este ano, por exemplo, era de 9%, mas o país dever ter um incremento de 13,6% do PIB.
   
O país tem uma inflação estável, de 5% ao ano, nos últimos 20 anos. Segundo Valdovinos, avaliações externas, como um estudo da FGV, por exemplo, indicam que o Paraguai tem o melhor clima econômico entre os países do Mercosul. E o país vem melhorando gradativamente sua classificação no ranking de risco de agências como Moody’s, Standard & Poor’s e Fitch.  Contribui para isso o fato de hoje o país contar com uma Lei de Responsabilidade Pública (semelhante à Lei de Responsabilidade Fiscal brasileira).
   
Um dos desafios do país é superar a forte dependência da agricultura e, consequentemente, dos fatores climáticos. Porém, o bom desempenho desse setor fazem do Paraguai, hoje, o primeiro exportador mundial de açúcar orgânico, o quarto de soja, o sétimo de milho e o sexto de carne bovina.
   
Para incrementar a participação industrial, duas das principais estratégias são a melhoria da infra-estrutura e a qualificação de mão-de-obra. Nesse sentido, a inauguração da nova linha de transmissão de 500 kV entre Itaipu e Villa Hayes, na grande Assunção, representa um incremento na disponibilidade de energia. O Paraguai dispõe hoje de 1.390 MW (o equivalente a uma usina hidrelétrica de porte médio como Salto Santiago ou Água Vermelha) livres para atender novos investimentos industriais.
         
“Outro ponto importante sobre a força laboral é que 73% da população tem menos de 34 anos e temos o menor custo laboral do Mercosul”, assegurou Gustavo Leite. “A isso se somam acordos comerciais. Em 2014, por exemplo, seremos o único país do Mercosul com acesso preferencial à União Europeia”, acrescentou o ministro que apontou as atividades industriais eletrointensivas, reflorestamento e logística como os setores com maior atratividade para investimentos brasileiros.
   
A reunião do Codefoz foi comandada pelo presidente do Codefoz, Danilo Vendrúscolo, e contou também com a participação dos diretores-gerais da Itaipu, James Spalding (Paraguai) e Jorge Samek (Brasil), e do governador de Alto Paraná (Paraguai), Justo Aricio Zacarias Irun.
   

“A aproximação política entre os países também é um fator importante. O presidente (Horácio) Cartes e a presidente Dilma se encontraram já cinco vezes nos últimos três meses”, lembrou Samek. “Enfim, temos um alinhamento das forças políticas e econômicas que contribuem para uma maior integração entre os dois países”.

Postagens mais visitadas deste blog

Amigas de Das Graças promovem rifa de jóias em apoio ao trabalho e memória da colunista social e fotógrafa

Tudo começou ainda durante a pandemia. Com os trabalhos do filho Marco Antonio pautados em eventos e turismo, as dificuldades claro bateram na porta, e além da venda de um dos automóveis que a família tinha, algo mais precisava ser feito para quitar os compromissos e dívidas inerentes de um ano praticamente sem trabalho, em casa, Das Graças e seu filho Marco. Este grupo de amigas conta que mesmo em vida, Das Graças pensava em usar as joias para ajudar nas despesas domésticas e de saúde. No entanto, a saúde da colunista se agravou e sobreveio o internamento e a cirurgia.  Pensando em se desfazer de alguma forma de peças de joias que tinha enquanto presente nas festas de nossa sociedade, Das Graças acionou sua estimada amiga, Sílvia Rodrigues, para que a ajudasse na empreitada, o que foi de pronto atendida.  As joias -  As três peças que serão rifadas, eram relíquias da família  que ela ostentava nas grandes festas da sociedade que participava, ao longo da gloriosa carreira de colunismo

COLUNA SOCIAL Foz em Destaque - Edição CLXXVIII

DESTAQUE DO DIA Aniversários

32 anos da AgroShopping, agora com duas lojas para estar mais pertinho de você

🎁Aniversário da AgroShopping! 🥳 A AgroShopping comemorou 32 anos de muitos sonhos, projetos e realizações. São mais de três décadas de dedicação e trabalho em equipe para proporcionar um padrão de qualidade único. A AgroShopping não para: depois de inaugurar sua primeira filial, a AgroShopping República, trouxe uma programação especial para comemorar seus 32 anos de história. Com ações focadas no cliente, um dos pontos alto da programação foi o lançamento do Cartão AgroShopping: com o Cartão  AgroShopping, suas compras valem dinheiro... Confira as Promoções de Aniversário: Linha de Cristais Murano e de Flores Permanentes com descontos de 30%. TODA a loja com 10% de descontos*! Linha Pet: Carrinhos, Transporte, Roupinhas, com 20% de desconto. Além disto, tivemos o DIA DA HORTA, que contou com a presença dos técnicos da Isla, uma das maiores fábrica de semente do país, que trouxeram técnicas e inovação com os produtos da marca que representam, o público A-DO-ROU!!! E o lado humano e de