Pular para o conteúdo principal

OBRAS NA EDUCAÇÃO E OUTRAS DA PREFEITURA MUNICIPAL DE FOZ PROMOVEM MELHORIAS PARA A COMUNIDADE

Governo Municipal entrega novas obras da educação na próxima semana
Foram reinauguradas a Escola Municipal Olavo Bilac e o CMEI no Jardim Almada


A Prefeitura de Foz do Iguaçu entregou duas novas e importantes obras: a Escola Municipal Olavo Bilac, na Gleba Guarani, e o primeiro Centro de Educação Infantil (CMEI) do Jardim Almada.

Com um investimento de R$ 4,5 milhões, as duas obras representam a transformação e o comprometimento do governo municipal com a educação pública e de qualidade. Por conta da pandemia da Covid-19, as entregas serão marcadas por visitas técnicas do prefeito e equipe da educação, com número reduzido de pessoas.

“A Escola Olavo Bilac é uma nova escola e depois de 40 anos, é devolvida à comunidade com a qualidade que ela merece e o CMEI Professora Simone Walquiria Grignet também garante o direito e o acesso da comunidade do Jardim Almada à educação infantil de primeiro mundo”, afirmou o prefeito Chico Brasileiro.


Olavo Bilac 

A reinauguração da Escola Municipal Olavo Bilac foi intensamente celebrada pela comunidade escolar e também pelo público que acompanhou a solenidade online através da página da prefeitura no Facebook.

A reforma e ampliação da escola representam a realização de um sonho para a equipe pedagógica e a comunidade, que tanto cobrou por melhorias. Com um investimento próprio do município na ordem de mais de R$ 2,7 milhões, a instituição foi reformada e ampliada em mais de 700 metros, praticamente o dobro do tamanho original.

Além da reforma em banheiros, salas de aula e das readaptações sustentáveis e inclusivas, o espaço ganhou nova cozinha e refeitório, salas multiuso, laboratório, biblioteca e parque infantil. Uma ampliação que possibilitará dobrar a capacidade de atendimento, saltando de 300 para 600 vagas

A Escola também acompanha o desenvolvimento na cidade e atenderá a nova demanda que será gerada a partir da inauguração dos novos conjuntos habitacionais da prefeitura na região; o Angatuba e o Boicy I e II.

A obra estava sendo aguardada com muita expectativa pela comunidade. É a primeira a reestruturação na unidade desde que a escola foi inaugurada, há mais de 40 anos. “É de fato uma nova escola que estava sendo aguardada com muita expectativa pela comunidade e que agora reabre com uma estrutura que garante qualidade e dignidade para os trabalhadores e os alunos”, complementou a Secretária Municipal de Educação, Justina da Silva.


CMEI
O mais novo CMEI Professora Simone Walquíria Grignet, situado no Jardim Almada, segue o padrão de qualidade que marca as obras da atual gestão. É o primeiro CMEI para a região que poderá atender até 336 crianças, em período parcial (matutino e vespertino).

Com investimento próprio, na ordem de aproximadamente R$1,8 milhão, o espaço conta com uma área de 1.317,99 m². A área é dividida em dois blocos térreos distintos, interligados por circulação coberta, é composta por salas de professores, fraldários, depósitos, sala de amamentação, solário, sanitários, lactário, lavanderia, rouparia, vestiários, cozinha, varanda de serviço, salas de aula, pátio coberto e playground.

https://www5.pmfi.pr.gov.br/noticia-46260

Mais investimentos de R$ 3,2 milhões em obras nas Escolas Zizo e João Adão da Silva
Unidades atendem mais de 800 alunos do Ensino Fundamental. Melhorias envolvem reforma e ampliação nas instituições de ensino



A Prefeitura de Foz do Iguaçu está investindo mais de R$ 3,2 milhões em obras de reforma e ampliação nas escolas municipais Altair Ferrais da Silva (Zizo) e João Adão da Silva, localizadas nas regiões Norte e Nordeste, respectivamente. As obras atendem aos pedidos apresentados pela população durante o Orçamento Participativo de 2019.

“Investir na educação é garantir que nossas crianças tenham um futuro melhor, com educação de qualidade em uma estrutura digna. Somente através da educação poderemos ter uma sociedade melhor”, comentou o prefeito Chico Brasileiro. 

Na escola Altair Ferrais da Silva (Zizo), localizada no bairro Ipê, o investimento é R$ 1,5 milhão. A escola atende cerca de 260 alunos. Já na escola João Adão da Silva, localizada no bairro de Três Lagoas, região do loteamento Lagoa Dourada, o investimento é de R$ 1,7 milhão. A unidade atende mais de 550 alunos. Os trabalhos devem ser concluídos neste semestre nas duas escolas. 

“Há muito tempo os pais e professores pediam melhorias nestas escolas, e hoje elas são realidade. Estamos aproveitando este período em que as aulas presenciais estão suspensas por conta da pandemia e acelerando ainda mais estas reformas para que quando as aulas forem retomadas, possamos receber nossos alunos em espaços totalmente reformados”, afirmou a secretária da Educação, Maria Justina. 
 

As escolas estão recebendo serviços de reforma para correção de problemas estruturais e de ampliação para que possam ofertar ambientes confortáveis com espaços adequados aos alunos e servidores. Os serviços incluem ampliação e construção de novas salas de aulas, padronização das calçadas, implantação mecanismos de acessibilidade e reforço nos sistemas de prevenção conta incêndio, substituição de pisos, pintura entre outros. 


Estação Cultura e campo de futebol no Porto Meira
O Governo Municipal feza entrega ainda de importantes obras: a Estação Cultural João Sampaio, na Vila C Nova, e o campo de futebol sintético “Toca da raposa” no Porto Meira.  


Estação Cultural 
O novo equipamento de cultura está sendo aguardado com muita expectativa pela comunidade. Após anos de abandono, a prefeitura assumiu o espaço e iniciou uma grande reforma. Com um investimento de R$ 300 mil, as obras tiveram início em janeiro deste ano com a construção de rampas de acesso, recolocação do telhado e várias melhorias estruturais. As salas ganharam novo reforço e o espaço também recebeu novos pisos e banheiros.
 
Toca da Raposa 
Foram investidos cerca de R$ 600 mil em obras de reforma e ampliação do campo de futebol conhecido como Toca da Raposa, no Porto Meira. O campo recebeu arquibancadas, vestiários, iluminação, traves e grama sintética. As obras foram realizadas com apoio da Câmara de Vereadores através de emendas impositivas.


Orçamento Participativo
Assim como outras dezenas de obras que estão em execução na cidade, os serviços nas escolas são resultados da participação da população nas edições do Orçamento Participativo (OP) realizado em 2019 e organizado pela Secretaria de Direitos Humanos e Relações com a Comunidade.

Postagens mais visitadas deste blog

COLUNA SOCIAL - Edição CCXXI

DESTAQUE DO DIA A aniversariante...

COLUNA SOCIAL - Edição CCIX

DESTAQUE DO DIA

COLUNA SOCIAL - Edição CCXVII

DESTAQUE DO DIA