Pular para o conteúdo principal

Canal Itaipu recebe o Mundial de Canoagem Slalom Júnior e Sub-23

Cerca de 380 atletas, representando 36 países, disputarão no Canal Itaipu, em Foz do Iguaçu, o Mundial Júnior e Sub-23 de Canoagem Slalom, entre os dias 22 e 26 de abril.
A competição reunirá mais de 350 embarcações. Muitos atletas já estão chegando à cidade, para conhecer o local das disputas.

O evento é patrocinado pelos apoiadores da canoagem brasileira: Banco Nacional de Desenvolvimento (BNDES), Itaipu Binacional, General Electric e Ministério do Esporte.
A disputa contará com grandes nomes da canoagem mundial, como a australiana Jessica Fox, atual campeã mundial sub-23 e sênior pelo K1 Feminino. A brasileira Ana Sátila, medalha de ouro na Austrália, no K1 Feminino Júnior em 2014, irá disputar pela primeira vez a categoria sub-23 ao lado de Fox. “A gente espera que tudo continue indo bem como está até agora”, diz Ana.
Já no K1 Masculino Sub-23, dois europeus são os favoritos - Giovanni De Gennaro, italiano medalha de prata no Mundial em 2014, e Jiri Prskavec, da República Tcheca, bronze no mesmo campeonato. O Brasil terá Pedro Henrique Gonçalves, o Pepê, que ficou em 9º lugar no Mundial Sub-23 de 2014, na Austrália. “Quero brigar bastante para conquistar uma medalha em casa”, comenta Pepê. O austríaco Mario Leitner vem para manter o posto de melhor do mundo na categoria júnior, que conquistou em 2014.
Outros atletas do Velho Continente também são os favoritos no C1 Masculino Júnior. Florian Breuer, da Alemanha, atual campeão mundial e medalha de prata no Campeonato Europeu do ano passado, disputa o favoritismo com o italiano Rafaello Ivaldi. Outro italiano favorito no sub-23 é Roberto Colazingari, que levou o ouro no Mundial de 2014.
No C2 Masculino Sub-23, os tchecos Jonas Kaspar e Marek Sindler, campeões em 2014, irão brigar por mais uma medalha de ouro, enquanto a dupla brasileira formada por Charles Correa e Anderson Oliveira quer garantir uma vaga na final e superar o 5º lugar conquistado no último Mundial.

Do Brasil
A competição contará com 36 atletas do Brasil, dos quais vários já participaram de outras edições do evento. “A um ano dos Jogos Olímpicos de 2016, o País se apresenta pela primeira vez em um Mundial Júnior & Sub-23 com representantes em todas as categorias e bons atletas”, lembra Ettore Ivaldi, treinador da Equipe Permanente Brasileira.“É uma grande oportunidade para os brasileiros. Queremos levar atletas de cada uma das categorias para a final”, afirma.

Palco de mundiais
Essa não é a primeira vez que o Canal Itaipu (imagem à esquerda) sedia um evento deste porte. Em 2007, o local já foi palco do Mundial Sênior, evento que serviu de seletiva mundial para os Jogos Olímpicos de Pequim.
Em 2012 foi a vez do Pan-Americano, que serviu de seletiva das américas para os Jogos Olímpicos de Londres. Segundo Ivaldi, houve melhorias técnicas no Canal Itaipu ao longo desse tempo. “A pista de Foz mudou bastante em relação ao Mundial 2007. Agora ela é mais contínua, não tem áreas onde a água é tranquila”.
O Canal Itaipu, segundo ele, recebe elogios de colegas de outros países. “Todos os treinadores que estão chegando gostam bastante desse local de disputa.”

Principais nomes da competição
  
K1 Masculino Junior
Mario Leitner  - AUT (Ouro em 2014 no Mundial Júnior)
Jakob Weger - ITA (Ouro em 2014 no Campeonato Europeu)
Niko Testen - SLO (Bronze no Campeonato Europeu 2014)
Jakub Grigar - SVK (Bronze no Mundial 2014)

K1 Feminino Júnior
Camille Prigent . FRA  (Bronze no Campeonato Europeu 2014)
Klaudia Zwolinska - POL (Prata no Campeonato Europeu 2014)
Kate Eckhardt - AUS (Prata no Mundial 2014)

C1 Masculino Júnior
Florian Breuer - GER (Ouro em 2014 no Mundial e Prata no Europeu 2014) Rafaello Ivaldi - ITA (Ouro no Europeu 2014)

C1 Feminino Junior
Martina Satkova - CZE (Ouro no Europeu 2014 e Prata no Mundial 2014)
Lucie PRIOUX - FRA (Ouro no Mundial 2014)
Birgit Ohmayer - GER (Prata no Europeu 2014)

C2 Masculino Junior
Michael Matejka / Jan Vetrovsky - CZE (Prata no Europeu 2014)
Guillaume Graille / Lucas Roisin  - FRA (Ouro no Europeu 2014)
Daniel Munro / Luke Robinson - NZL (Prata no Mundial 2014)

K1 Masculino Sub-23
Giovanni De Gennaro - ITA (Prata no Mundial em 2014)
Jiri Prskavec - CZE (Bronze no Mundial 2014)

K1 Feminino Sub-23
Ana Satila - BRA (Ouro Mundial 2014)
Jessica Fox - AUS (Ouro no U23 e no Mundial Sênior 2014)
Karolina Galuskova - CZE (Prata no Europeu 2014)
Bethan Latham - GBR (Bronze no Mundial 2014)
Eva Tercelj - SLO (Bronze no Europeu 2014)

C1 Masculino Sub-23
Roberto Colazingari - ITA (Ouro no Mundial 2014)
 
C1 Feminino Sub-23
Jessica Fox  - (Ouro no Mundial 2014)
Monika Jancova - CZE (Prata no Mundial 2014)

Núria Vilarrubla Garcia – (Prata no Europeu 2014 e Bronze no Mundial 2014)

Assessoria de Imprensa da Itaipu Binacional

Postagens mais visitadas deste blog

COLUNA SOCIAL Foz em Destaque - Edição CLXXI

  DESTAQUE DO DIA

Amigas de Das Graças promovem rifa de jóias em apoio ao trabalho e memória da colunista social e fotógrafa

Tudo começou ainda durante a pandemia. Com os trabalhos do filho Marco Antonio pautados em eventos e turismo, as dificuldades claro bateram na porta, e além da venda de um dos automóveis que a família tinha, algo mais precisava ser feito para quitar os compromissos e dívidas inerentes de um ano praticamente sem trabalho, em casa, Das Graças e seu filho Marco. Este grupo de amigas conta que mesmo em vida, Das Graças pensava em usar as joias para ajudar nas despesas domésticas e de saúde. No entanto, a saúde da colunista se agravou e sobreveio o internamento e a cirurgia.  Pensando em se desfazer de alguma forma de peças de joias que tinha enquanto presente nas festas de nossa sociedade, Das Graças acionou sua estimada amiga, Sílvia Rodrigues, para que a ajudasse na empreitada, o que foi de pronto atendida.  As joias -  As três peças que serão rifadas, eram relíquias da família  que ela ostentava nas grandes festas da sociedade que participava, ao longo da gloriosa carreira de colunismo

COLUNA SOCIAL Foz em Destaque - Edição CLXXVIII

DESTAQUE DO DIA Aniversários