Pular para o conteúdo principal

Campanha "Bom anfitrião" em Ciudad del Este PY



O Alto Paraná implementará a quinta edição da campanha "Bom anfitrião" durante a Semana Santa, com dias de limpeza e conscientização turística, a fim de proporcionar uma experiência especial aos visitantes que entram no país naquela época através da Ponte da Amizade, que liga Paraguai com o Brasil. O lançamento desta iniciativa, que foi declarada de Interesse Turístico Nacional, e ocorreu nesta sexta-feira, 9 de março, no Megal Suites Hotel, com a presença da Ministra do Turismo, Marcela Bacigalupo.
A chamada Semana "Bom anfitrião" é liderada pelo Conselho de Desenvolvimento de Ciudad del Este (Codeleste), através da Câmara Técnica de Turismo, com o apoio da Secretaria Nacional de Turismo (Senatur), dos Municípios da Região e do Alto Paraná, em coordenação com o setor envolvido em turismo receptivo, como o Convention Alto Paraná e Associação Gastronômica (Ashotel), a Associação Paraguaia de Guias de Turismo, Itaipú Binacional, a Câmara de Turismo de Alto Paraná, entre outros. 

No âmbito desta campanha,as açoes serão realizadas na segunda-feira 12 e quarta-feira 14, por funcionários do Regional Senatur CDE, com distribuição de material sobre a importância do turismo para os setores envolvidos na área principal de Ciudad del Este, como a Polícia Turística, Dinatran, Migrações, Portos e Marinha.
As atividades da semana "Bom anfitrião"  começarão no domingo, 25 de março, às 16he, com limpeza na Zona Primária com a ajuda de um carro hidrante, membros da Codeleste, empresas afiliadas e funcionários públicos. De 26 de março a 29 de março e 31 de março, das 06:00 às 16:00, os turistas serão recebidos com danças típicas, música folclórica e materiais promocionais da região relacionados ao hotel, gastronomia e artesanato.
"Com a campanha "Bom anfitrião", ecoamos a nível nacional e internacional em cada uma das edições, porque o Paraguai faz sua promoção no turismo, não só para que os turistas venha comprar, mas também para valorizar e escolher nossos produtos turísticos", disse a ministra Marcela Bacigalupo.  Acrescentou que "as estatísticas internacionais do turismo indicam que, no ano de 2017, crescemos 22% e sabemos que nenhum país cresceu na porcentagem como nós fizemos. Estamos fazendo história e, como paraguaio, estou orgulhoso do país que tenho ", concluiu Bacigalupo.
Para Elva Figueredo, coordenadora da Câmara Técnica de Turismo, a tarefa de um bom anfitrião é o simples ato de conhecer, compreender e atender às necessidades dos visitantes, conhecer o território, conhecer o patrimônio natural, material, cultural e cultural. guie-os para "boas experiências". "Portanto, receber turistas gentilmente, de maneira hospitaleira e informada, irá gerar visitantes não só se sintam bem-vindos para estar aqui, mas para voltar e nos recomendar", disse ela.Como parte da campanha, os facilitadores do Serviço Nacional de Promoção Profissional (SNPP) treinaram os membros do grupo Taxistas Unidos del Este em bom tratamento aos turistas. Este treinamento continuará este ano com o apoio da Escola Politécnica da Universidade Nacional del Este. Além disso, a entrega dos crachás é esperada para os setores treinados e para as empresas aderidas à campanha.
Para mais informações, contate o Escritório Regional de Senatur de Ciudad del Este, por telefone (061) 511 626/508 810 ou por email: senaturcde@senatur.gov.py
 














Postagens mais visitadas deste blog

Amigas de Das Graças promovem rifa de jóias em apoio ao trabalho e memória da colunista social e fotógrafa

Tudo começou ainda durante a pandemia. Com os trabalhos do filho Marco Antonio pautados em eventos e turismo, as dificuldades claro bateram na porta, e além da venda de um dos automóveis que a família tinha, algo mais precisava ser feito para quitar os compromissos e dívidas inerentes de um ano praticamente sem trabalho, em casa, Das Graças e seu filho Marco. Este grupo de amigas conta que mesmo em vida, Das Graças pensava em usar as joias para ajudar nas despesas domésticas e de saúde. No entanto, a saúde da colunista se agravou e sobreveio o internamento e a cirurgia.  Pensando em se desfazer de alguma forma de peças de joias que tinha enquanto presente nas festas de nossa sociedade, Das Graças acionou sua estimada amiga, Sílvia Rodrigues, para que a ajudasse na empreitada, o que foi de pronto atendida.  As joias -  As três peças que serão rifadas, eram relíquias da família  que ela ostentava nas grandes festas da sociedade que participava, ao longo da gloriosa carreira de colunismo

COLUNA SOCIAL Foz em Destaque - Edição CLXXX

DESTAQUE DO DIA

Postagens COLUNA SOCIAL - Edição CXCI

DESTAQUE DO DIA