Pular para o conteúdo principal

FINAL DO X-BOLICHE Sindjor no Iguassu Boulevard

O X-Boliche, Campeonato de Boliche dos Jornalistas, atraiu para as pistas do Iguassu Boulevard cerca de 100 trabalhadores da imprensa de Foz do Iguaçu. A competição foi realizada em duas fases. Sendo a primeira etapa, dia 24 de abril e, a segunda e final do torneio, na terça-feira, 30 de abril, véspera do feriado. A competição contou ainda com a torcida organizada de amigos, familiares e companheiros de trabalho.
CLASSIFICAÇÃO FINAL:
1.º LUGAR GERAL:
  • ADILSON BORGES
  • DIEGO HURTADO
  • WILLIAN AZEVEDO
  • ILSON ALECRIM
  • ARTHUR FLORENCIO
  • EVERTO DE ANDRADE
TOTAL PONTOS = 724
2.º LUGAR:
  • LUCIANA LOURENZINI
  • KAMILA ROCHA
  • ALCEU DEMETERKO
  • ALESSANDRO KUNHASKI
  • NILTON ROLIN
  • JOSÉ ANTERO
TOTAL PONT0S = 521
3.º LUGAR:
  • NELSON FIGUEIRA
  • DORIVAL SANTOS
  • FABANO FALOBACH
  • GILSON GARCIA
  • FABIO CANETE
  • RUDI
TOTAL PONTOS = 617
TROFÉU JOINHA:
  • FÁBIO GOBE
  • BRUNO ZANETTE
  • ELIANE LUZ
  • QUEROLAINE
  • GRAZI
  • LUCIANA BARCELOS
TOTAL PONTOS = 521
MELHORES LINHAS:
  • MASCULINO - ILSON ALECRIM 305 
  • FEMININO - KAMILA ROCHA 213































Fotos: Nilton Rolin, Vilson Quintino, Marco Freire, etc...
Texto: Blog Sindjor

X Boliche – O Campeonato de Boliche dos Jornalistas é uma realização do Sindicato dos Jornalistas de Foz do Iguaçu (subseção de Foz e região) e Iguassu Boulevard.

Fotografias do X-Boliche estão na página do Sindijor no Facebook (http://www.facebook.com/sindijor.foz).


Postagens mais visitadas deste blog

Amigas de Das Graças promovem rifa de jóias em apoio ao trabalho e memória da colunista social e fotógrafa

Tudo começou ainda durante a pandemia. Com os trabalhos do filho Marco Antonio pautados em eventos e turismo, as dificuldades claro bateram na porta, e além da venda de um dos automóveis que a família tinha, algo mais precisava ser feito para quitar os compromissos e dívidas inerentes de um ano praticamente sem trabalho, em casa, Das Graças e seu filho Marco. Este grupo de amigas conta que mesmo em vida, Das Graças pensava em usar as joias para ajudar nas despesas domésticas e de saúde. No entanto, a saúde da colunista se agravou e sobreveio o internamento e a cirurgia.  Pensando em se desfazer de alguma forma de peças de joias que tinha enquanto presente nas festas de nossa sociedade, Das Graças acionou sua estimada amiga, Sílvia Rodrigues, para que a ajudasse na empreitada, o que foi de pronto atendida.  As joias -  As três peças que serão rifadas, eram relíquias da família  que ela ostentava nas grandes festas da sociedade que participava, ao longo da gloriosa carreira de colunismo

COLUNA SOCIAL Foz em Destaque - Edição CLXXX

DESTAQUE DO DIA

Postagens COLUNA SOCIAL - Edição CXCI

DESTAQUE DO DIA